Waters of Life

Biblical Studies in Multiple Languages

Search in "Portuguese":
Home -- Portuguese -- John - 005 (The Baptist prepares the way of Christ)
This page in: -- Arabic -- Armenian -- Bengali -- Burmese -- Cebuano -- Chinese -- English -- Farsi? -- French -- Georgian -- Hausa -- Hindi -- Igbo -- Indonesian -- Javanese -- Kiswahili -- Kyrgyz -- Malayalam -- Peul -- PORTUGUESE -- Russian -- Serbian -- Somali -- Spanish -- Tamil -- Telugu -- Thai -- Turkish -- Urdu -- Uyghur -- Uzbek -- Vietnamese -- Yiddish -- Yoruba

Previous Lesson -- Next Lesson

JOÃO – A Luz Resplandece nas Trevas
Um Curso de Estudos Bíblicos no Evangelho de Cristo segundo João

PARTE 1 – O Brilho da Luz Divina (João 1:1 – 4:54)
A – A Encarnação do Verbo de Deus em Jesus (João 1:1-18)

2. O Batismo prepara o caminho de Cristo (João 1:6-13)


JOÃO 1:6-8
6 Houve um homem enviado de Deus, cujo nome era João. 7 Este veio como testemunha, a fim de dar testemunho da luz, para que todos cressem por meio dele. 8 Ele não era a luz, mas veio para dar testemunho da luz.

Deus enviou João Batista ao mundo de trevas para chamar as pessoas para os raios da luz divina. Todo mundo sabe que muitos pecados são cometidos em trevas. Mas, quem quer que confesse sua culpa diante de Deus, se arrependa e quebrante seu coração, se achega à luz. E quanto a você? Você já se achegou à luz ou continua se escondendo nas trevas?

Batista explicou ao povo a condição de seus corações. Relativamente à lei de Deus, todos eles são maus. Precisam de arrependimento e de mudança fundamental para que não pereçam no Dia do Senhor. O chamado de João Batista agitou multidões e as pessoas correram para ver aquele que as chamava ao arrependimento no deserto. Eles confessaram seus pecados abertamente e pediam pelo batismo no rio Jordão como símbolo de sua purificação do pecado, a lavação de seu egoísmo e a vinda de uma nova vida com as correntes do rio.

Deus escolheu João Batista. Ele o iluminou e o comissionou para mover as pessoas chamando-lhes a atenção, mudando seus pensamentos e para preparar a vinda de Cristo. As pessoas do Antigo Testamento sabiam muito sobre aquele que vem em nome do Senhor. O profeta Isaías disse sobre ele, “O povo que andava em trevas viu uma grande luz; e sobre os que habitavam na terra de profunda escuridão resplandeceu a luz.” (Isaías 9:2). Ele também disse em nome do Senhor, “Levanta-se, resplandece, porque é chegada a tua luz, e é nascida sobre ti a glória do Senhor.” (Isaías 60:1). Batista ensinou que a vinda da luz sobre as trevas não está confinada às pessoas do Antigo Testamento, mas é aberta a todos. Assim, a mensagem de João Batista circundou o mundo todo, de modo que as pessoas da Ásia Menor e de todas as outras regiões em volta do Mar Mediterrâneo o seguiram por anos após sua morte.

Milhares de pessoas o seguiram apesar de seu testemunho de que ele não era a luz, mas um precursor enviado antes dela. Ele não guiou as pessoas para si próprio, mas as guiou a Cristo. Esse é um claro sinal dos verdadeiros mensageiros de Deus, eles não prendem seus seguidores a si mesmos, mas apenas a Cristo.

O foco da obra de João não foi o arrependimento e o batismo, mas sim a fé em Cristo. Ele sabia que as pessoas esperavam que ele se proclamasse ser o Cristo. Mas ele não caiu em tentação e preparou o caminho do Senhor. Ele sabia que o Cristo vindo era Aquele que batizaria as pessoas com o Espírito Santo. João também sabia que um arrependimento psicológico no ser humano não é suficiente, mesmo que ele seja batizado para remissão de pecados. Ao contrário, ele sabia que todos nós precisamos uma renovação completa de nosso ser interior. Deus não deu-lhe autoridade para mudar corações, tal como também não deu a nenhum dos profetas do Antigo Testamento. Esse privilégio foi reservado para a luz original criadora, a palavra que dá vida, que é capaz de renovar uma pessoa quando ela crê em seu nome e se abre para sua luz. Deste modo, João conduziu multidões à fé em Cristo, sabendo que apenas a fé os levará a uma nova vida.

Apolo foi um fervoroso e diligente filósofo que seguia os ensinos de João Batista. Ele pregou sobre Cristo efetivamente sem verdadeiramente experimentar a luz da nova aliança. Mas, quando ele se entregou a Cristo, a luz entrou em seu coração e ele se tornou luz no Senhor e um farol em meio às trevas. Ele iluminou a muitos (Atos 18:24-28).

ORAÇÃO: Ó, Senhor Cristo, engrandecemos-te e agradecemos-te porque tu és a luz do mundo e a esperança dos pobres. Tu iluminaste as trevas de nosso corações, revelaste-nos nossos pecados e os perdoas-te. Agradecemos-te porque nos fizeste filhos da luz e nos libertas-te para a vida eterna. Pedimos-te que os raios de tua luz alcancem nossos amigos e nossos parentes para que experimentem do verdadeiro arrependimento e que, pela fé, entrem para sua grande luz.

PERGUNTA:

  1. Quais são os principais focos da obra de João Batista?

www.Waters-of-Life.net

Page last modified on April 10, 2012, at 10:19 AM | powered by PmWiki (pmwiki-2.2.109)