Waters of Life

Biblical Studies in Multiple Languages

Search in "Portuguese":
Home -- Portuguese -- John - 020 (Jesus' first miracle)
This page in: -- Arabic -- Armenian -- Bengali -- Burmese -- Cebuano -- Chinese -- English -- Farsi? -- French -- Georgian -- Hausa -- Hindi -- Igbo -- Indonesian -- Javanese -- Kiswahili -- Kyrgyz -- Malayalam -- Peul -- PORTUGUESE -- Russian -- Serbian -- Somali -- Spanish? -- Tamil -- Telugu -- Thai -- Turkish -- Urdu -- Uyghur? -- Uzbek -- Vietnamese -- Yiddish -- Yoruba

Previous Lesson -- Next Lesson

JOÃO – A Luz Resplandece nas Trevas
Um Curso de Estudos Bíblicos no Evangelho de Cristo segundo João

PARTE 1 – O Brilho da Luz Divina (João 1:1 – 4:54)
B – Cristo conduz seus discípulos da esfera do arrependimento para a alegria do Casamento (João 1:19 – 2:12)

4. O primeiro milagre de Jesus em Caná (João 2:1-12)


JOÃO 2:1-10
1 E, ao terceiro dia, fizeram-se umas bodas em Caná da Galiléia; e estava ali a mãe de Jesus. 2 E foi também convidado Jesus e os seus discípulos para as bodas. 3 E, faltando vinho, a mãe de Jesus lhe disse: Não têm vinho. 4 Disse-lhe Jesus: Mulher, que tenho eu contigo? Ainda não é chegada a minha hora. 5 Sua mãe disse aos serventes: Fazei tudo quanto ele vos disser. 6 E estavam ali postas seis talhas de pedra, para as purificações dos judeus, e em cada uma cabiam dois ou três almudes. 7 Disse-lhes Jesus: Enchei de água essas talhas. E encheram-nas até em cima. 8 E disse-lhes: Tirai agora, e levai ao mestre-sala. E levaram. 9 E, logo que o mestre-sala provou a água feita vinho (não sabendo de onde viera, se bem que o sabiam os serventes que tinham tirado a água), chamou o mestre-sala ao esposo. 10 E disse-lhe: Todo o homem põe primeiro o vinho bom e, quando já têm bebido bem, então o inferior; mas tu guardaste até agora o bom vinho.

Jesus guiou seus discípulos do vale do arrependimento de João Batista às margens do Jordão, para os montes da Galiléia para desfrutarem das alegrias de um casamento. Essa jornada de 100 quilômetros nos mostra a mudança radical entre os dois Testamentos. Os crentes não mais habitariam na sombra da Lei, mas na alegria da retidão com Jesus, o Sol brilhante e doador da Paz.

Jesus não era um asceta como Batista era, e por essa razão a partida de Cristo com seus discípulos para rumo à felicidade de uma celebração comum era um milagre em si. Ele não baniu o vinho, já que ensinou que não é o que entra na boca do homem que o contamina, mas pensamentos feios que saem do coração do homem é o que o contaminam. Jesus no rejeitou o ascetismo ou a abnegação, mas ensinou que esses estilos de vida são poucos úteis. Nossos corações corruptos precisam de uma nova natureza e de um novo nascimento. O que a Bíblia proíbe são as bebedeiras e o alcoolismo.

Os discípulos acompanharam Jesus à festa, e Natanael era natural da Galiléia (21:2). Parece que a mãe de Jesus era próxima à família dos noivos. Imagina-se que José já havia falecido. Maria se tornara viúva e Jesus desempenhava a função do primogênito na família.

Então sua mãe procurou-o pedindo ajuda para seus conhecidos. Desde seu retorno do Jordão, ele não era mais um homem comum, mas estava transformado pelo Espírito Santo deixando de lado responsabilidade terrenas para servir a Deus, um modelo que os discípulos seguirão.

Maria confiou em seu Filho porque ela conhecia seu zelo e amor. O amor de Maria levou Jesus a realizar seu primeiro milagre. A fé no amor de Cristo move os braços de Deus. A mãe pediu que os servos fizessem o que Jesus dissesse. Ela sabia que ele ajudaria de um jeito ou de outro. Suas palavras para os servos servem como modelo para todas as igrejas, “Faça o que quer que ele te diga para fazer!”. Em efeito, se submete apenas a Cristo; a obediência à palavra de Jesus traz muitos milagres.

Vasos para purificação, vazios e espaçosos, cada um com a capacidade de cerca de 500 litros foram cheios. Isso mostra que os visitantes fizeram uso de grandes quantidades de água para se limpar. Uma purificação diferente é necessária quando Jesus está presente. Nenhum homem pode participar do casamento do Cordeiro até que ele esteja inteiramente limpo.

Porém, a purificação não foi de interesse mediato para Cristo. A celebração do casamento precisava continuar. Jesus calmamente transformou a água da purificação em um fino e doce vinho. Como fez isso nós não sabemos. Mas sabemos com este evento que seu sangue derramado é suficiente para todos os participantes das bodas do Cordeiro. Isso não apóia a embriaguez. O Espírito Santo não permite nenhuma conduta embriagada. Mas, a abundância de vinho doce simboliza a medida infinita do perdão de Cristo para os pecados da humanidade. Que todos participem das alegrias celestiais. Que todos recebam com ações de graça o pão e o vinho da Ceia do Senhor, um símbolo da presença de Cristo que nos abençoa com o perdão enquanto descansamos em seu regozijo.

JOÃO 2:11-12
11 Jesus principiou assim os seus sinais em Caná da Galiléia, e manifestou a sua glória; e os seus discípulos creram nele. 12 Depois disto desceu a Cafarnaum, ele, e sua mãe, e seus irmãos, e seus discípulos; e ficaram ali não muitos dias.

Os discípulos ficaram maravilhados com a habilidade criativa, e sentiram sua autoridade sobre tudo. Eles viram sua glória e creram que Deus o enviara. Isso leva à confiança nele. A fé precisa de tempo para crescer e obediência para se entender. Se você estudar as obras de Jesus e investigar profundamente seus ditos, você perceberá a grandeza de sua pessoa.

Jesus deixou sua família e se tornou livre das tarefas do mundo para servir a Deus. Mas, sua ligação com sua mãe e seus irmãos continuou. Por um tempo eles viajaram com seus discípulos. Seus irmãos estavam com ele em Cafarnaum, a principal cidade da região do Lago Tiberíades. Os discípulos, no entanto, individualmente confiaram nele, não apenas por causa do sinal em Cana. Eles se apagaram a Jesus para sempre.

ORAÇÃO: Senhor Jesus, te agradecemos por nos chamar para um casamento para gozarmos das alegrias de sua companhia. Perdoe nossos pecados e nos encha com seu Espírito Santo. Nós te seguiremos e viveremos em justiça e pureza, tal como o Senhor viveu.

PERGUNTA:

  1. Por que Jesus levou seus discípulos ao casamento?

QUIZ – 1

Prezado leitor, Nos envie as respostas corretas de pelo menos 20 dessas 24 perguntas. Nós te enviaremos a seqüência dessa série de estudos.

  1. Quem escreveu o quarto evangelho?
  2. Qual é a relação entre o quarto evangelho e os três primeiros?
  3. Qual é o foco do evangelho de João?
  4. Para quem esse evangelho singular foi escrito?
  5. Como é possível subdividi-lo, organizando os tópicos de assuntos?
  6. Que palavra é repetida no primeiro verso de João 1 e qual é o seu significado?
  7. Quais são as 6 características de Cristo que João expõe no começo de seu evangelho?
  8. Qual é a diferença entre a luz e as trevas no sentido espiritual da palavra?
  9. Quais são os focos principais da obra de João Batista?
  10. Qual é a relação entre a Luz de Cristo e o mundo em trevas?
  11. O que acontece com aqueles que aceitam a Cristo?
  12. O que a encarnação de Cristo significa?
  13. O que se entende por plenitude de Cristo?
  14. Que novo pensamento Cristo trouxe ao mundo?
  15. Quais eram as intenções das perguntas feitas pelos delegados da mais alta corte dos Judeus?
  16. Como João Batista chamou as pessoas para prepararem o caminho do Senhor?
  17. Qual é o auge do testemunho de João Batista sobre Jesus diante do delegados do Sinédrio?
  18. O que “Cordeiro de Deus” significa?
  19. Por que Jesus se tornou o doador do Espírito Santo?
  20. Por que os dois discípulos seguiram Jesus?
  21. Como os primeiros discípulos divulgaram o nome de Jesus?
  22. Como os primeiros discípulos proclamaram o nome de Jesus aos outros?
  23. Que ligação há entre os títulos “Filho de Deus” e “Filho do Homem”?
  24. Por que Jesus levou seus discípulos ao casamento?

Envie-nos seu nome e endereço correta e legivelmente escritos junto de sua resposta para os seguintes endereços:

Waters of Life
P.O. Box 600 513
70305 Stuttgart
Alemanha

Internet: www.waters-of-life.net
Internet: www.waters-of-life.org
e-mail: info@waters-of-life.net

www.Waters-of-Life.net

Page last modified on April 10, 2012, at 10:27 AM | powered by PmWiki (pmwiki-2.2.109)