Waters of Life

Biblical Studies in Multiple Languages

Search in "Portuguese":
Home -- Portuguese -- John - 099 (Christ's peace in us defeats the world's afflictions)
This page in: -- Arabic -- Armenian -- Bengali -- Burmese -- Cebuano -- Chinese -- English -- Farsi? -- French -- Georgian -- Hausa -- Hindi -- Igbo -- Indonesian -- Javanese -- Kiswahili -- Kyrgyz -- Malayalam -- Peul -- PORTUGUESE -- Russian -- Serbian -- Somali -- Spanish? -- Tamil -- Telugu -- Thai -- Turkish -- Urdu -- Uyghur? -- Uzbek -- Vietnamese -- Yiddish -- Yoruba

Previous Lesson -- Next Lesson

JOÃO – A Luz Resplandece nas Trevas
Um Curso de Estudos Bíblicos no Evangelho de Cristo segundo João

PARTE 3 – A luz brilha no Círculo dos Apóstolos (João 11:55 – 17-26)
D – A despedida a caminho do Getsêmani (João 15:1 – 16:33)

6. A paz de Cristo em nós vence as aflições do mundo (João 16:25-33)


JOÃO 16:25-26a
25 Disse-vos isto por parábolas; chega, porém, a hora em que não vos falarei mais por parábolas, mas abertamente vos falarei acerca do Pai. 26a Naquele dia pedireis em meu nome...

Jesus revelou as verdades celestiais por meio de ilustrações e alegorias que ocultavam os mistérios aos ouvidos dos mundanos, mas divulgou essas verdades aos famintos de justiça. Jesus desejava que os seus discípulos o entendessem claramente, e esperava pelo grande dia em que ele iria ressuscitar dos mortos e ascender ao céu para estar sentado à direita de Deus, enviando o seu Espírito divino a eles. Ele considerou todos esses eventos de salvação em um só dia. Quando o Espírito veiesse para os corações de seus seguidores, as parábolas e alegorias cessariam, porque o Espírito de Cristo iria criar a iluminação no coração dos crentes, terminando a fase de parábolas. Deus é o Pai e Cristo, seu Filho. Sem o Espírito Santo, nenhum homem pode conhecer a Deus, mas o Espírito do Filho nos leva à família de Deus. Você tem um pai terreno? Você fala com ele? Será que ele se preocupa com você? Estas são perguntas intuitivas. Em nível superior, as palavras de Jesus e do conforto do seu Espírito, nos asseguram que Deus é onipotente, Santo, e nosso Deus pessoal e íntimo que nos ama. Nós somos seus filhos amados apesar de sermos todos pecadores, mas pelo sangue de Cristo nós nos tornamos santos diante dele. O Espírito Santo abre a boca para a oração verdadeira, porque o Espírito é de Cristo. Na oração espiritual, Cristo fala através de nós. Ore que o Espírito ora na confiança do Pai e na comunhão do Filho. Suas orações serão uma conversa entre o Espírito em vós e vosso Pai celeste, que é um com o Filho.

JOÃO 16:26b-28
26b e não vos digo que eu rogarei por vós ao Pai; 27 pois o mesmo Pai vos ama, visto como vós me amastes, e crestes que saí de Deus. 28 Saí do Pai, e vim ao mundo; outra vez deixo o mundo, e vou para o Pai.

Aquele pai que não ama seus filhos não é pai de forma alguma. Ao revelar o nome de Deus, Jesus deu-nos a forma mais simples de perceber poderoso amor de Deus. Dar destaque ao nome do Pai: este é o núcleo do objetivo de Cristo. Aquele que conhece o Pai, conhece a Deus, e é transformado em um filho de Deus, permanecendo em seu amor. Nesse nome encontramos o Evangelho completo e esperança para a eternidade. Cristo anuncia a você, que, doravante, não há necessidade de mediação, porque o próprio Pai vos ama, e Ele é cheio de amor e misericórdia. Visto que Cristo morreu na cruz não há nenhuma barreira entre nós e o pai. A fé no Filho, o Cordeiro de Deus, permite que o Pai derrame seu amor sobre aqueles que amam a Cristo. Aquele que está consciente da divindade de Cristo, de seu proceder do Pai e compreende que Cristo habita com ele, se aproximou da Santíssima Trindade. Ele habita na vida de Deus e se enche de graça do Pai, regozijando-se sempre no Espírito.

Em uma frase, Cristo representa o milagre da redenção para os seus discípulos. Ele desceu das alturas da divindade e mudou-se sobre a terra que estava repleta de animosidades e depravação, mas quando ele cumpriu a justiça para a humanidade na cruz, ele deixou o mundo e apressou-se a seu Pai, a fonte de toda vida.

JOÃO 16:29-30
29 Disseram-lhe os seus discípulos: Eis que agora falas abertamente, e não dizes parábola alguma. 30 Agora conhecemos que sabes tudo, e não precisas de que alguém te interrogue. Por isso cremos que saíste de Deus.

Os discípulos estavam a tornarem-se conscientes da grandeza do amor de Deus e do ser eterno de Jesus. Jesus é o verdadeiro Deus, o onisciente, santo e eterno. Eles não percebem e não se lembram que Cristo é o amor encarnado. Portanto, eles não reconhecem a Deus na sua essência e não o chamam de Pai, apesar do fato de que Jesus tinha proclamado extensivamente a eles o novo nome de Deus e seu amor nunca termina. O Espírito Santo ainda não havia esclarecido os seguidores de Jesus. Então eles aceitaram estas questões teoricamente, mas perderam a essência de sua verdadeira natureza.

JOÃO 16:31-32
31 Respondeu-lhes Jesus: Credes agora? 32 Eis que chega a hora, e já se aproxima, em que vós sereis dispersos cada um para sua parte, e me deixareis só; mas não estou só, porque o Pai está comigo.

Com um sorriso ele disse: "Você imagina que apenas pelo intelecto pode entender o meu verdadeiro eu? Esse conhecimento é o mesmo que a verdadeira fé? O teste está para acontecer, e vai mostrar que a sua credibilidade está desprovida de amor. Vocês não entendem a Deus, porque vocês não acreditam em sua paternidade. Vocês todos irão fugir e me deixarão abandonado. Sua fé será mostrada". "Na morte eu não estou sozinho, porque o Pai está comigo". Isso contradiz o grito de Jesus na cruz: "Meu Deus, por que me abandonaste"? Não, porque Deus, o Santo, escondeu o rosto do Filho, mas Cristo continuou a acreditar na sua presença de pai. Seu grito indica que Deus permanece inalterada", eu não vou deixá-lo mesmo quando eu não te vejo. Em tuas mãos entrego o meu espírito". A fé em Cristo na paternidade de Deus prevaleceu sobre o juízo que caiu sobre ele por nossa causa. O amor do Filho para com o Pai apaga o fogo da ira de Deus decorrente da nossa dívida contraída pelo pecado. Sua esperança constante abriu a porta para nós vermos o pai. Por causa de sua morte, podemos dizer: "Eu não estou sozinho, porque o Pai está comigo".

JOÃO 16:33
33 Tenho-vos dito isto, para que em mim tenhais paz; no mundo tereis aflições, mas tende bom ânimo, eu venci o mundo.

Jesus resumiu sua mensagem de despedida com uma nota de conforto para todos os crentes "eu tenho vivido um tempo com vocês e lhe ensinei que a paz divina pode preencher seus corações. Incrédulos não têm paz. Eu, o Filho, tenho perdoado os vossos corações e limpo o seu ser interior. Coloco o Espírito e minha paz em vocês. Permanecei em minhas palavras. Eu, pessoalmente, sou seu defensor. Vocês não tem proteção além de mim. Sua reconciliação com Deus é a base da paz. Vocês não tem consciência clara sem o perdão de seus pecados no meu sangue. Eu salvei vocês e meu Espírito está em vocês. Minha paz não é um fantasma, mas uma realidade que veio para dar-vos a paz. Aceitem o Espírito e creiam em mim".

"Não imagine que a paz espera por você neste mundo Não! São muitos os perigos: perseguições, doenças, mentiras, medos e morte. Milhares de mentiras e filosofias irão testar a sua fé. O orgulho estará sempre perto. Não ame o dinheiro, a riqueza não vai fazer você seguro".

"Tire os olhos do mundo e olhe para mim. Contemple minha vida e entenda as minhas palavras para conhecer o meu amor e siga minha humildade. Permanecei no meu auto-sacrifício e abnegação. Eu venci o mundo. Eu não pedi nada para mim. Eu sou em essência o Santo de Deus. Em mim o mandamento de Deus foi cumprido: "Sede santos, porque Eu sou santo". Eu sou a perfeição do amor, em mim você vê o Pai".

Você compreendeu a importação do discurso de despedida de Jesus? Ele definiu que a comunhão com o Pai concede ao seu coração a paz de Cristo. A paz é a verdade mais importante na vida de um crente. O mundo continuará a ser mal e a incomodá-lo. Mas a sua fé na vitória sobre a morte e Satanás irá livrá-lo do fogo da ira de Deus e de tormentos externos. Aquele que crê em Cristo recebe a misericórdia de Deus. Essa mensagem de Cristo tem te enchido? É o Espírito Santo em você quem diz: "O Pai é meu, o Filho é meu Salvador e o Espírito habita em mim. O Deus único está em mim. Eu permanecerei em sua graça".

ORAÇÃO: Senhor Jesus Cristo, você ganhou meu coração, me comprou para si mesmo. Você tem me mantido em sua proteção das ciladas do diabo, e libertou-me do calabouço de suas mentiras. Você tem concedido a vida eterna a mim. Não temo a morte. Mantenha-me em sua vontade e me encha com seu poder para que eu possa glorificar com todos os santos como nós adoramos o Pai. Deixe-me amar os irmãos, perdoar as pessoas e ser um pacificador guiado por você. Eu confio em você, você é o Vitorioso.

PERGUNTA:

  1. Por que e como o Pai nos ama?

www.Waters-of-Life.net

Page last modified on April 10, 2012, at 11:49 AM | powered by PmWiki (pmwiki-2.2.109)