Waters of Life

Biblical Studies in Multiple Languages

Search in "Portuguese":
Home -- Portuguese -- John - 091 (Abiding in Christ brings much fruit)
This page in: -- Arabic -- Armenian -- Bengali -- Burmese -- Cebuano -- Chinese -- English -- Farsi? -- French -- Georgian -- Hausa -- Hindi -- Igbo -- Indonesian -- Javanese -- Kiswahili -- Kyrgyz -- Malayalam -- Peul -- PORTUGUESE -- Russian -- Serbian -- Somali -- Spanish? -- Tamil -- Telugu -- Thai -- Turkish -- Urdu -- Uyghur? -- Uzbek -- Vietnamese -- Yiddish -- Yoruba

Previous Lesson -- Next Lesson

JOÃO – A Luz Resplandece nas Trevas
Um Curso de Estudos Bíblicos no Evangelho de Cristo segundo João

PARTE 3 – A luz brilha no Círculo dos Apóstolos (João 11:55 – 17-26)
D – A despedida a caminho do Getsêmani (João 15:1 – 16:33)

1. Permanecer em Cristo produz muitos frutos (João 15:1-8)


JOÃO 15:5
5 Eu sou a videira, vós as varas; quem está em mim, e eu nele, esse dá muito fruto; porque sem mim nada podeis fazer. Que grande honra Jesus concedeu a nós de sermos ramos que brotam de seu coração. Ele criou a vida espiritual em nós. Assim como na videira um ramo aparece pela primeira vez e, em seguida, isso se estende a ser uma planta que cresce até um galho saudável e forte. Da mesma forma, o crente cresce com todos os traços e as virtudes Cristãs, graças a Jesus. Não é só por força da nossa fé, mas por graça sobre graça. Somos responsáveis por permanecer em Jesus.

Então encontramos uma expressão incomum que ocorre 175 vezes no Evangelho, "NELE", e o correspondente, "EM NÓS", um pouco menos freqüentemente no evangelho. Cada crente tem o direito de estar unido com Jesus, sob a Nova Aliança. Esta união é tão firme que nós nos vemos em fusão com Jesus.

Nosso Senhor nos assegura que nossa individualidade não desaparece através do crer, não estamos submersos em misticismo. Ele energiza a sua vontade e enche a sua vida com o seu Espírito. Cristo quer levá-lo à maturidade e moldar em você a imagem que ele te propôs desde o início. Suas possibilidades e qualidades entram no coração dos crentes. Onde está então a nossa fé e o nosso amor? Qual é o objetivo da união do Filho de Deus com a humanidade? Por que Jesus morreu na cruz e porque foi o Espírito Santo derramado nos corações dos crentes? O que o Senhor exige de você? Os frutos espirituais que te agraciam são de Deus. Estes são dons do Espírito: amor, alegria, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fidelidade, mansidão e domínio próprio.

Precisamos aprender que não podemos alcançar nenhuma dessas qualidades sozinhos. Temos o privilégio de, como crentes, apreciar o processo da vida espiritual de Jesus em nós. Devemos agradecê-lo pelo nosso ser espiritual e pelo poder divino que ele nos deu. Todas essas energias e os ministérios são dons de Deus. Sem ele nada podemos fazer.

JOÃO 15:6
6 Se alguém não estiver em mim, será lançado fora, como a vara, e secará; e os colhem e lançam no fogo, e ardem.

Você é responsável por permanecer em Cristo. Por um lado, notamos que a vida do Espírito e a habitação em Cristo são presentes. Por outro lado, nós percebemos que ele que se deixa a Cristo é como alguém que comete suicídio. Este desertor torna-se endurecido e deve ser lançado no fogo da ira de Deus. Os anjos, em seu devido tempo, reunirão aqueles que têm abandonado a Cristo e os lançará nas trevas exteriores. A repreensão de sua consciência não permitirá nenhum descanso. Por toda a eternidade verão a Deus em Sua compaixão separados deles. Eles vão perceber como, anteriormente, eles foram mantidos em Seu amor. Eles abandonaram, desprezaram o seu Salvador e eles são obrigados a queimar em perdição eterna.

JOÃO 15:7
7 Se vós estiverdes em mim, e as minhas palavras estiverem em vós, pedireis tudo o que quiserdes, e vos será feito.

Aquele que permanece em Cristo vive com ele um relacionamento sábio. Assim como um casal a longo do tempo conhece os pensamentos e intenções um do outro. Assim também aquele que ama a Cristo conhece a sua vontade e permanece em harmonia com o seu Senhor. Sondar a Bíblia diariamente vai encher-nos com todos os bons impulsos, porque nossa vontade é preenchida por suas palavras.

Então não vamos orar de acordo com nossos desejos egoístas, mas vamos ouvir ansiosamente o desenvolvimento do seu Reino. Nós nos tornamos intercessores obedientes no conflito espiritual. Então, nossos corações estarão cheios de louvor e gratidão, e nós oferecemos ao Santo todos os nossos assuntos de interesse, as pessoas carentes e aflitas que o Espírito Santo traz ao nosso conhecimento. Jesus age em nosso mundo com base em nossas orações. Ele nos permite compartilhar sua obra de salvação. Você ora? Quanto? Você ora no Espírito Santo? A vontade de Deus tem intenções diferentes. Uma delas é a sua santidade. A outra é que Deus quer salvar a todos e trazê-los ao conhecimento da verdade. Se andarmos humildemente, o nome de Deus é, assim, santificado. Peça ao seu Senhor que derrame o Espírito de oração em seu coração, de modo que você pode produzir muitos frutos, e glorifique o Pai celestial e Cristo, o seu guia.

JOÃO 15:8
8 Nisto é glorificado meu Pai, que deis muito fruto; e assim sereis meus discípulos.

Jesus quer que você produza muito fruto. Ele não se contenta com um pouco de santidade em sua vida, nem com poucas pessoas ganhas para Cristo. Não! Ele deseja sua santificação para sermos perfeitos como o Pai é perfeito, e que todos possam ser salvos. Não seja auto-satisfeito.

ORAÇÃO: Nós te amamos, Senhor Jesus, porque você não está envergonhado de nos aceitar como seus membros. Pedimos pela conversão de todos aqueles a quem você chamou para virem até você. Nós mencionamos os seus nomes um por um. Nós acreditamos que você os salvou com a sua cruz. Sua salvação é confirmada pela descida do Espírito Santo sobre eles. Que o nome do Pai seja glorificado no Espírito Santo. Sem você não podemos fazer nada.

PERGUNTA:

  1. Por que estamos em Jesus e Ele em nós?

www.Waters-of-Life.net

Page last modified on April 10, 2012, at 11:44 AM | powered by PmWiki (pmwiki-2.2.109)