Waters of Life

Biblical Studies in Multiple Languages

Search in "Portuguese":
Home -- Portuguese -- John - 097 (The Holy Spirit reveals history's most significant developments)
This page in: -- Arabic -- Armenian -- Bengali -- Burmese -- Cebuano -- Chinese -- English -- Farsi? -- French -- Georgian -- Hausa -- Hindi -- Igbo -- Indonesian -- Javanese -- Kiswahili -- Kyrgyz -- Malayalam -- Peul -- PORTUGUESE -- Russian -- Serbian -- Somali -- Spanish? -- Tamil -- Telugu -- Thai -- Turkish -- Urdu -- Uyghur? -- Uzbek -- Vietnamese -- Yiddish -- Yoruba

Previous Lesson -- Next Lesson

JOÃO – A Luz Resplandece nas Trevas
Um Curso de Estudos Bíblicos no Evangelho de Cristo segundo João

PARTE 3 – A luz brilha no Círculo dos Apóstolos (João 11:55 – 17-26)
D – A despedida a caminho do Getsêmani (João 15:1 – 16:33)

4. O Espírito Santo revela os desenvolvimentos mais significantes da história (João


JOÃO 16:12-13
12 Ainda tenho muito que vos dizer, mas vós não o podeis suportar agora. 13 Mas, quando vier aquele Espírito de verdade, ele vos guiará em toda a verdade; porque não falará de si mesmo, mas dirá tudo o que tiver ouvido, e vos anunciará o que há de vir.

Cristo é onisciente e desejava informar seus amados discípulos sobre os segredos dos céus e do futuro, mas as habilidades da alma e da mente não poderiam absorver essas verdades em sua totalidade. Portanto, não podemos logicamente entender que Cristo está sentado à direita de Deus no céu, mas, ao mesmo tempo, que habita em nossos corações, a menos que o raciocínio do Espírito que nos ilumine. Da mesma forma, não podemos naturalmente compreender que Deus é um em três pessoas. O cérebro humano é incapaz de compreender, mas o Espírito ajuda em nossas fraquezas e ilumina as nossas mentes. Ele pode revelar os segredos do futuro para nós e os pensamentos ocultos dos corações, pois ele conhece os segredos da Santíssima Trindade.

Cristo predisse que o Espírito da verdade viria e os levaria ao conhecimento da verdade. O que é a verdade? Jesus não emprega o plural "verdades" como se estivesse descrevendo fatos terrestres, mas no singular, como quando ele disse: "Eu sou a Verdade". A revelação sobre os meios da vinda do Espírito nos levará à plenitude de Cristo em ação e essência. Jesus não é um mero homem, o Pai está nele, e ele no pai. Portanto, a orientação a toda a verdade significa o conhecimento do Pai e do nosso permanecer em seu amor. A palavra "verdade" no evangelho não significa a verdade jurídica ou validade lógica ou mesmo veracidade moral apenas, mas seus significados são mais amplos, e abrangem todos os fatos, gerais e específicos. Assim, o Espírito nos leva a verdades celestes para que possamos conhecer a Deus na Trindade e experimentar Seus poderes miraculosos.

Com tudo isso, o Espírito Santo é uma pessoa independente, fala, ouve, tem livre-arbítrio, mas, ao mesmo tempo, ele não faz nada, exceto a vontade do Pai. Ele não vem com pensamentos especiais, mas nos diz o que o Pai disse. Na Santíssima Trindade, não há nada, exceto a submissão mútua na liberdade do amor. Ele é fiel no testemunho que ele transmite a partir do Filho de Deus. Assim, ele pretende construir toda a Igreja como corpo de Cristo, tornando-a perfeita para a vinda de Cristo, seu Esposo.

JOÃO 16:14-15
14 Ele me glorificará, porque há de receber do que é meu, e vo-lo há de anunciar. 15 Tudo quanto o Pai tem é meu; por isso vos disse que há de receber do que é meu e vo-lo há de anunciar.

O motivo por trás do trabalho do Espírito Santo é a glória de Cristo. Assim como Jesus negou-se e transferiu toda a honra ao Pai, assim também o Espírito Santo não honra a si mesmo, mas glorifica Jesus em todos os seus atos. Isso nos ensina a não falar sobre nossas experiências, conquistas e ações, mas sim para glorificar a Jesus, o Salvador sozinho. Não é a nossa conversão que é essencialmente importante, mas a lavagem dos nossos pecados no sangue precioso de Cristo. Os movimentos do Espírito, seus poderes e efeitos têm um objetivo, a glorificação de Jesus que nos comprou para si mesmo. O Espírito Santo trabalha através do testemunho dos apóstolos de Cristo com eficácia quando Cristo se faz presente para os ouvintes como crucificado e ressuscitado.

O Espírito Santo não realiza um trabalho independente, mas realiza o que Jesus começou com palavras e atos. Ele lembra os discípulos das palavras de Jesus e traz a sua vida divina em si. Ele impele-os a manter o seu mandamento, enraizando-os em seu Salvador. Vemos à distância um relacionamento mútuo e constante na Santíssima Trindade. Uma pessoa não se honra a si mesmo, mas honra e engrandece o outro sempre.

Durante seu ministério terrestre, Jesus disse com toda a humildade, "O Pai é maior do que eu", mas em seu discurso de despedida, ele disse, "Toda a autoridade me foi dada no céu e na terra", pois Jesus criou tudo em comunhão com o Pai. O Pai é seu, assim como todos os pais pertencem a seus filhos, o Pai também pertence a nós.

ORAÇÃO: Senhor Jesus Cristo, que nos resgatou na cruz e removeu o nosso fardo de pecados. Agradecemos-te por seu amor abundante. Enche-nos com o seu Santo Espírito para que toda a nossa vida possa glorificar seu sacrifício e ressurreição. Livrai-nos da hipocrisia, indolência e orgulho para que possamos viver na verdade de suas virtudes.

PERGUNTA:

  1. Como o Espírito Santo opera no desenvolvimento do mundo?

www.Waters-of-Life.net

Page last modified on April 10, 2012, at 11:48 AM | powered by PmWiki (pmwiki-2.2.109)