Waters of Life

Biblical Studies in Multiple Languages

Search in "Portuguese":

Home -- Portuguese -- Colossians -- 020 (Worship of God the Father)

This page in: -- Arabic -- Chinese -- English -- German -- PORTUGUESE -- Spanish -- Turkish

Previous Lesson -- Next Lesson

COLOSSENSES - Cristo em vós, o povo da glória!
Estudos na Carta de Paulo aos Colossenses

PARTE 1 – Os fundamentos da Fé Cristã (Colossenses 1:1-29)

4. A adoração a Deus o Pai como o objetivo fundamental da Igreja (Colossenses 1:12-14)


Colossenses 1:12-14
12 Dando graças ao Pai que nos fez idôneos para participar da herança dos santos na luz; 13 o qual nos tirou da potestade das trevas, e nos transportou para o reino do Filho do seu amor; 14 em quem temos a redenção pelo seu sangue, a saber, a remissão dos pecados.

Oração intensiva permaneceu um componente decisivo na vida, pensando e proclamação do missionário para as nações. Ele colocou de alto valor em dar graças ao Pai, de quem todos motivo de poder, e os fluxos de bênção. Devemos nos perguntar se uma gratidão alegre para o Pai tornou-se um tema em nossas próprias vidas e serviço, ou se nós ainda pensamos que podemos cumprir todos os nossos deveres e responsabilidades e de nós mesmos. Paulo admoesta-nos a dar graças ao Pai, com alegria, não como uma responsabilidade doloroso, mas como uma resposta agradecida à graça ilimitada que preenche o Seu amor.

Com vista para o futuro, o apóstolo tamborilava na igreja de Colossos que não era eles mesmos, mas o seu Pai no céu que tinha feito dignos e capazes de dirigir a Ele como Pai. Ele tinha feito o possível para que elas voltem a Ele e permanecer com ele. Foi Ele que lhes permitiu ter uma participação em Sua glória eterna. O Todo-Poderoso já havia assegurado a Abraão beduínos, por causa de sua fé e obediência: "Não tenha medo", Abrão. Eu sou o teu escudo, tua recompensa muito grande "(Gn 15:1). Este grande recompensa não era algo que tinha sido criado, mas o próprio Criador. A herança dos santos consiste no fato de que o Espírito do Pai e do Filho tomou a morar nelas. Através do pagamento para baixo do Espírito na Terra, ele assegurou-lhes que eles já passaram a fazer parte da família do pai. A glória e o amor da divindade habita substancialmente nos santos que passaram na frente - que agora andarmos na luz, assim como ele está na luz (I João 1:7, 3:2). Paulo, que tinha visto o Cristo glorioso antes de Damasco, estava convencido de que a existência divina de Jesus, no esplendor e na força do Seu Pai, é também a meta dos eleitos. Eles acreditam nesta Filho de Deus, segui-Lo, e já recebeu uma parte em Sua ressurreição, em Sua vida eterna, e em Sua glória ainda escondido (Rm 8:17-18; 1 João 3:2, etc.) Paulo estava bem ciente dessa nuvem de testemunhas, que observam o curso da história, e que aguardam com entusiasmo os próximos passos em negrito da igreja de Jesus: "Portanto, também nós, uma vez que estamos rodeados por tão grande nuvem de testemunhas, vamos deixar de lado todo peso e o pecado que tão facilmente nos enlaça, e corramos com perseverança a carreira que nos está proposta, olhando para Jesus, autor e consumador da nossa fé ... "(Hb 12:1-2) . Você conhece algum destes santos que já foram traduzidos para sua casa eterna, que agora olhar para as nossas decisões e ações, que compartilham a vinda do reino de Deus? O próprio Paulo é um deles, porque ele assinado este texto com a palavra "nós". Que torna certos de que ele, também, por causa da graça de Jesus sozinho, foi feito digno de ter uma parte na herança dos santos que caminham na luz.

Nossa Salvação a partir do domínio de Satanás

Paulo queria para ampliar esta frase sobre temáticas de sua carta, explicando aos Colossenses como eles, com ele e todos os santos juntos, tinham sido feitos dignos e capazes de viver na luz da glória de Deus. Ele escreveu: "Vocês foram libertados do poder, das mentiras e do domínio das trevas". Esta libertação misericordioso é o cenário livre de Jesus, que coletivamente desassocia os possessos com o espírito do inferno e, em seguida, acende neles a luz do céu.

O próprio Paulo havia experimentado a existência de poder satânico no trabalho em si, pois no ódio fanático de um estudante legalista da lei mosaica que ele havia perseguido, atormentado e morto seguidores de Cristo. Ao fazer isso ele pensou que estava realmente servindo ao Senhor da Antiga Aliança, não tendo reconhecido o Salvador crucificado e ressuscitado da humanidade. Somente quando esse Salvador bloqueado o caminho para ele antes de Damasco e perfurado-lo com sua luz gloriosa que ele caiu ao chão. Ele tinha finalmente reconhecido tanto a realidade de Deus, assim como sua própria condição perdida.

Pessoas no domínio de Satanás são cegos para a realidade do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Eles têm apenas uma realização sombria de sua pecaminosidade. O maligno tem sido um mentiroso desde o início e seduz o homem para tentar auto-redenção. Através destas tentativas eles só tornam-se mais endurecido, fanática, e sem misericórdia em seu espírito, embora afirmando o tempo todo para ser decente, bom e piedoso. Mesmo os mais vis pecadores não querem admitir que estão maduros para o inferno, embora tenham uma noção da sua situação angustiante e sua condenação, muitas vezes sendo atormentado por espíritos malignos.

Paulo corajosamente testificou: O Pai de Jesus Cristo nos libertou, os amantes de Jesus, desde o domínio de Satanás. Ele colocou luz em nós e nos transportou para o reino do Seu poder divino. Satanás tem poder nem mais nem domínio sobre aqueles que têm sido feita uma parte do Seu reino através do Salvador Jesus. Nossos pecados foram perdoados, para o sacrifício de Jesus de expiação nos justificou. O acusador de nossos irmãos foi expulso do céu (Apocalipse 12:9-12), de modo que agora somos livres! Do Pai e do Filho ter colocado sua vida dentro de nós. Jesus disse: "Eu sou a luz do mundo. Quem me segue não andará em trevas, mas terá a luz da vida" (João 8:12). Aquele que pensa que o inferno, Satanás e das trevas são apenas contos de fadas já está em seu domínio, pois só a luz de Deus é que vamos reconhecer a realidade (João 3:3, 5, 19-21). Jesus salva todos os que desejam deixar-se ser salvo, que se curvam e confessar seus pecados, que confiam em seu Salvador, e que se ligam a ele por todo o tempo e a eternidade.

Tradução nossa para o Reino de Cristo

No final de um ano escolar, os alunos esperam ser promovidos à classe imediatamente superior. Eles ficam contentes quando este privilégio é, definitivamente, concedeu-lhes. Paulo escreveu aos Colossenses que tanto eles como ele já havia sido traduzido para o Reino do Filho de Deus. Onde, então, é a nossa alegria e ação de graças? No último exame, sobre a entrada no céu, todos nós falhamos e na melhor das hipóteses recebeu o grau Apesar de que ainda passou "deficiente" - somente através da graça! O mérito de Jesus e suas habilidades tem sido colocado para a nossa conta. Só por causa dele que temos sido levados para o abrigo e segurança de Deus - por todo o tempo e eternidade!

Paulo escreve sobre o reino de Deus, o Pai, como o reino de Seu Filho amado. Ambos são os mesmos! O Pai definir seu amado Filho como Senhor e Rei no seu reino. Toda a autoridade no céu e na terra foi dado a Ele (Mateus 28:18). Ele justifica todas as classes e membro do arquivo do seu povo através do Seu sacrifício de expiação, e derrama o Seu Espírito Santo em Seus seguidores limpos para que eles possam viver para sempre (João 1:33). O Rei dá à luz ao seu povo de dentro de Seu próprio. A abelha-rainha é, de uma maneira pequena, um exemplo deste mistério maravilhoso.

O Reino de Deus é "rico" no amor, pois "Deus é amor e quem permanece no amor permanece em Deus, e Deus nele" (I João 4:16). Jesus é o amor de Deus se tornar homem. O Filho é como o Pai, cheio de energia, paciência e misericórdia. Seu reino não é nada como um campo de concentração, mas serve como um lugar de paz e abrigo para seus seguidores. Eles se tornam cheios de Seu amor, alegria e unidade e viver para sempre agradecer e adorá-Lo. Eles obedecem de bom grado o seu Senhor e Salvador, imediatamente e totalmente, pois ninguém ama como Ele faz. Você já foi traduzido para o reino do amor de Cristo? Os outros reconhecem isso?

As Escrituras do Novo Testamento fala do Reino de Deus Pai e do Filho, 126 vezes e 136 vezes da Igreja de Jesus Cristo. A igreja compõe as tropas de assalto na nova criação do Reino de Deus, aqueles que foram libertados do poder de Satanás. Eles, então, chamar aos escravos do maligno para se tornarem filhos de Deus, para que muitos possam entrar em liberdade espiritual.

Redenção do pecado através do Filho de Deus

Paulo foi sensata e lúcida. Ele não só escreveu sobre a luz e a escuridão, sobre Deus e Satanás, mas também expôs o ponto central da questão a respeito da salvação. Ele apontou-nos a Jesus Cristo. Temos a redenção, a partir do domínio de Satanás, o pecado e a ira de Deus somente nEle. O Filho de Deus, como o Filho do Homem, pagou o dinheiro do resgate para nós. Pela Sua morte em nosso lugar, tornou-se possível para nós ser comprados livre do mercado de escravos do pecado e do domínio de Satanás (Mt 20:28).

Jesus pagou a culpa de toda a humanidade, mas nem todos crêem no seu sacrifício para nos libertar. Apenas em aqueles que nEle crêem e que apertar a mão de bênção Ele estendê-los se o perdão dos seus pecados se tornar realidade. A salvação foi concluída, de modo que Jesus não precisa morrer de novo para os muçulmanos, judeus, budistas e comunistas. Foram todos resgatados, mas não acredito! Ao fazê-lo, por meio de sua incredulidade, isolar-se da salvação que foi concluída também para eles.

Paulo não escreveu este relatório mexendo interino, que incluiu a sua definição da Igreja de Jesus Cristo e de sua posição eterna justo, como doutrina, mas como um testemunho e, como uma convocação à ação de graças. Quem é que alegremente graças ao Pai no céu, aqui e agora, para o grande privilégio que foi dado a ele?

ORAÇÃO: Pai, nós exaltar e louvar-Vos, por Você salvou-nos do poder das trevas e nos transportou para o reino de seu Filho amado, que nos redimiu do mercado de escravos do pecado com Seu próprio sangue. Nele todos os nossos pecados foi perdoado. Quem somos nós que você deve conta-nos a ser santos já? Queremos agradecer a Você e Seu Filho Jesus Cristo para o resto de nossas vidas. Amém!

PERGUNTA:

  1. Como Cristo nos salva do poder das trevas?

www.Waters-of-Life.net

Page last modified on February 16, 2012, at 07:52 AM | powered by PmWiki (pmwiki-2.2.109)